quarta-feira, 15 de março de 2017

Ely Aguiar lamenta nível da classe política brasileira

O deputado Ely Aguiar (PSDC) avaliou, durante o segundo expediente da sessão plenária desta quarta-feira (15/03), o nível atual da classe política brasileira.
Para o parlamentar, “a cada dia que passa, a população brasileira fica mais estarrecida, preocupada e decepcionada com a qualidade dos seus representantes políticos, que em nada têm contribuído para o crescimento da moralidade política do País”.
Segundo o deputado, com a divulgação da lista do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, o desgaste na relação da classe política com a população brasileira fica ainda maior. O documento, encaminhado ao Supremo Tribunal Federal (STF), apresentou 83 pedidos de inquérito contra políticos com foro privilegiado, entre deputados, senadores e ministros.
“Sabemos que os políticos estão com uma imagem muito desgastada junto à opinião pública, pois não temos uma admiração do povo por conta do mau comportamento de muitos”, lamentou Ely Aguiar.
O parlamentar ponderou que também é importante valorizar o trabalho dos bons políticos brasileiros. “Aqui, na Assembleia Legislativa, por exemplo, com todos os nossos defeitos e virtudes, nunca vi um político nosso envolvido em falcatruas, entendendo que esta Casa, aos meus olhos, trouxe boas pessoas para a política. Infelizmente não podemos dizer o mesmo de Brasília”, comentou.
Ely Aguiar citou os nomes do deputado federal Chico Lopes (PCdoB/CE) e dos senadores Tasso Jereissati (PSDB/CE), Magno Malta (PR/ES) e Paulo Paim (PT/RS) como políticos a serem exaltados.
“No meio de tantos envolvidos em corrupção, esses que citei são reconhecidos por seus trabalhos e posicionamentos, merecendo a admiração de todos os brasileiros”, defendeu o deputado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics