sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Temer foi hostilizado em São Paulo

O presidente Michel Temer foi hostilizado na porta do Hospital Sírio-Libanês na noite desta quinta. Temer voou de Brasília para São Paulo para prestar solidaridade ao ex-presidente Lula por causa da morte cerebral da ex-primeira dama, Marisa Letícia. O peemedebista foi recebido com xingamentos por militantes que fazem uma vigília na frente do hospital. O ministro das Relações Exteriores, José Serra e o ex-presidente José Sarney, entre outros senadores e ministros que acompanham Temer, também foram hostilizados. 

Assista o vídeo:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Web Statistics